Letra Fado mãe de María Villalón

Etiquetas:
Letra de canción
Portugués
Enviar a un amigo |


Otras canciones de María Villalón

Song Scroller

Visitar letra | Letras de canciones
 
Color de fondo


Color de la letra

Copia este código y pégalo en tu blog o web para mostrar el song-scroller de Album Cancion y Letra

Califica la calidad de esta letra
Espere un momento...
Puntaje: 4,00/5. Total votos: 0

Ai minha fonte,
meu rio,
ai de água tão pura e bela,
nos seus olhos um sol
que é a minha janela.

Quem me dera ser o mar
para a embalar e adormecé-la.

E não deixar seu corpo arrefecer,
e agasalhar-lhe o peito em minha mão,

e não deixar o vento,
a chuva,
a mágoa,
a solidão na sua água mergulhar meu coração.

Quem me dera ser o mar
para a embalar e adormecé-la!...

nos seus olhos um sol
que é a minha janela.

Quem me dera ser o mar
para a embalar e adormecé-la.

E não deixar seu corpo arrefecer,
e agasalhar-lhe o peito em minha mão,

e não deixar o vento,
a chuva,
a mágoa,
a solidão na sua água mergulhar meu coração.
Tomado de AlbumCancionYLetra.com
Quem me dera ser o mar
para a embalar e adormecé-la.